Notícias

NGK anuncia investimento de R$ 210 milhões na unidade de Mogi das Cruzes

A NGK do Brasil anuncia a ampliação e modernização do seu complexo fabril, localizado em Mogi das Cruzes, fruto de um investimento de R$ 210 milhões, previsto para ser realizado em três anos.

Mais da metade deste montante deve ser investido ainda em 2018. Todo o aporte será realizado com recursos próprios do grupo NGK, reforçando a solidez da companhia mundialmente.

Do total aplicado na empresa, R$ 87 milhões serão destinados à produção de isoladores, o que ampliará a capacidade produtiva em 30%. O projeto contempla a construção de novos prédios, aquisição de equipamentos, treinamento e Recursos Humanos. A área construída da fábrica será acrescida em 3.800 metros quadrados.

O anúncio do aporte foi realizado pelo presidente da NGK do Brasil, Hiroyuki Tanabe. “As operações da NGK no Brasil completam 59 anos em 2018. Nestas quase seis décadas de história, nos consolidamos como um dos principais fornecedores da indústria automotiva do País, tanto no fornecimento de peças originais, quanto para o mercado de reposição. Levamos também todo o nosso know-how em cerâmicas para a divisão de pastilhas porcelanizadas, voltadas ao mercado de arquitetura e construção. Este investimento reforça a nossa presença no Brasil e a nossa posição global como subsidiária da companhia. Mais uma vez vamos contribuir para o fortalecimento da indústria nacional e para o desenvolvimento da região de Mogi das Cruzes”, afirma o executivo.

Nos três anos, a companhia pretende gerar, desde a construção de prédios até o funcionamento da produção, prevista para 2020, aproximadamente 200 postos de trabalho diretos e indiretos.

Além de atender ao mercado local, a unidade brasileira também passará a exportar para países das Américas e Europa, além da África do Sul. Com isso, a subsidiária brasileira fortalece suas operações dentro do Grupo NGK.


Compartilhe!